Igreja Batista Central de Fortaleza


Amar a Deus, amar uns aos outros e proclamar Jesus


Mefibosete e Davi |Karina Oliveira

por Administrador

Essa semana fiz a leitura de 2 Samuel 9, o capítulo fala sobre Mefibosete, filho de Jônatas, e Davi. A história deles tocou muito meu coração, pois o modo como Davi tratou o filho de seu amigo me fez lembrar como sou tratada por Deus.

O texto inicia com Davi questionando se ainda há alguém da família de Saul que esteja vivo. Ao receber a resposta que existe sim alguém vivo, ele imediatamente manda buscar essa pessoa para que assim possa fazer alguma coisa boa por ela. Acho incrível o que acontece porque a pessoa que está viva é justamente filho de Jônatas, amigo querido de Davi. Imagino o quanto ele ficou feliz ao saber disso. Poderia fazer o bem e conhecer a descendência do seu amigo que infelizmente havia morrido.

Ao ficar de frente para Mefibosete, Davi lhe leva acalento, diz que ele não precisava ter medo, pelo contrário podia ficar tranquilo, pois ele seria bom devido a sua amizade com Jônatas. Começaria devolvendo as terras que pertenciam a Saul e a partir daquele dia poderia sentar-se a mesa do rei.

De tudo isso o que mais tocou meu coração foi Davi incluir Mefibosete à sua mesa, chama-lo para tomar parte no convívio com sua família. Ele podia simplesmente ter devolvido as terras, conhecido Mefibosete e mandado ele embora. Mas não, Davi fez mais por ele, desejou construir com ele um relacionamento, quis estar perto, conhece-lo e ser conhecido. Imagine, aquele que muito cedo havia perdido toda sua família estava tendo a chance de ser incluído em uma, de poder ser amado por alguém. Penso que Mefibosete deve ter ficado surpreso e ao mesmo tempo muito feliz com o cuidado de Davi.

No versículo 8, Mefibosete meio sem acreditar em tudo que está acontecendo chega a perguntar a Davi por que ele estava sendo tão bondoso com ele, afinal não valia mais que um cachorro morto. Percebi que Mefibosete não se sentia digno, talvez tenha passado por muitas adversidades e tudo o que viveu fez com que ele se enxergasse inferior. O texto relata que ele era aleijado das pernas, então provavelmente tenha sido rejeitado e ignorado por todos durante esse tempo, então ao receber o carinho de Davi ele ficou sem entender, mas após perceber que era real e sincero aceitou de bom grado.

“Daí em diante Mefibosete passou a comer junto com o rei, como se fosse filho dele.”  2 Samuel 9:11

Aquele que tinha passado anos sem ter uma família, que só havia encontrado rejeição, desprezo ao longo do caminho a partir daquele momento ia ser tratado como filho do rei, estava sendo incluído em uma família, estava recebendo amor gratuitamente. Davi enxergou mais que sua deficiência, ele viu alguém que merecia ser amado e o fez, amou sem medida, tornou-se seu pai.

Por que estou falando disso? Porque queria que você que leu até aqui entendesse que você também é amado e chamado de filho por Deus. Não importam as circunstâncias que você tenha vivido até hoje, não importa quantas pessoas olharam para você com desprezo, não importa se você não desfrutou do amor de pai esse tempo todo ou se não teve uma família, não importa se você se enxerga como indigno. A partir de hoje você pode ser amado de forma incondicional. Hoje você é chamado para fazer parte da família de Deus, sentar à sua mesa, se relacionar com Ele, pois Jesus Cristo fez com que fossemos aceitos pelo Pai, Ele restaurou o relacionamento que antes estava quebrado.

Quero que hoje você abra um sorriso no rosto e aceite o presente de ter o melhor Pai desse universo. Desfrute desse relacionamento, sabendo que Ele se importa com você. Os Arrais em um de seus louvores* cantam sobre alguém que foi encontrado por Deus, alguém que sempre era esquecido, porém agora não era mais um estranho, estava sendo chamado de amigo, era também um filho!

“Eu fui encontrado. Não sou mais estranho, eu sou filho, sou Teu!”

Não somos mais órfãos, somos chamados para fazer parte da família de Deus, somos filhos, amados filhos! Temos um Pai que é perfeito e só quer o nosso melhor. Não sei qual sua figura paterna, mas você pode desfrutar do amor mais puro de pai e conhecer o real significado de ser filho(a). Fomos chamados, somos filhos por adoção, e quanto amor há por aqueles que se deseja incluir, pois não havia necessidade, no entanto Ele quis, Ele escolheu, Ele te olhou e se importou!    * Mais – Os arrais

 

Mais – Os Arrais | Clique aqui para conferir a música na íntegra

Por Karina Oliveira

devocionalblog.wixsite.com/aesperancanasce

 

Leia mais sobre: