Igreja Batista Central de Fortaleza


Amar a Deus, amar uns aos outros e proclamar Jesus


Será possível? | Karina Oliveira

por Administrador

Há alguns posts atrás falei a respeito de arrependimento e perdão, sobre uma vida de mudança após se entregar aos cuidados de Deus. Fiquei pensando que, infelizmente, algumas pessoas dirão que nada disso é verdade, que não existe arrependimento e muito menos nova vida. Já ouvi algumas vezes pessoas dizerem “é fácil fazer tudo de ruim e depois pedir perdão” quem afirma isso com certeza não entende o que é a graça de Deus e muito menos não compreende que o amor puro e incondicional dEle transforma todas as coisas.

Ao pensar sobre isso, veio na minha mente dois questionamentos que talvez possam pairar em sua cabeça. Primeiro: Será que Deus realmente perdoa? E segundo: Será que de fato as pessoas podem mudar?

Por que esses tipos de dúvidas surgem? Porque tendemos a comparar Deus com as pessoas com quem nos relacionamos. Quantos já não sofreram por pensarem ter sido perdoado e quando menos se esperava percebeu que o “perdão” não havia acontecido, a pessoa ainda guardava mágoas e ressentimentos dentro de si. Isso faz com que pensemos o mesmo a respeito de Deus. Contudo, para sua alegria e tranquilidade, você pode ficar em paz com o perdão de Deus. Ele não é homem para mentir, o Seu perdão garante que nossos pecados são lançados no mar mais profundo e deles Ele faz questão de não mais se lembrar (Miqueias 7:19).

Também questionamos, pois há pessoas que não dão frutos do seu arrependimento, no entanto essa parcela representa uma minoria se comparada a grande multidão que busca assumir novos comportamentos. Não negue a existência de mudanças pautado em apenas uma pessoa que você conhece e não vive isso de fato. Ainda devemos ter em mente que a mudança não ocorre instantaneamente, é um longo e árduo processo, feito de deslizes e vitórias.

Diante de tudo isso, me veio à memória a história de Paulo. Ele representa perfeitamente tudo isso que mencionei: arrependimento, perdão, nova vida, rejeição porque muitos duvidavam da sua real conversão. Se você não conhece esse homem, deixe-me lhe contar um pouco sobre a história dele.

Paulo, antes chamado de Saulo, era alguém que perseguia e odiava os cristãos da época. A Bíblia nos diz que ele esforçava-se para acabar com a igreja (Atos 8:3).  Entretanto, mesmo tendo perseguido e insultado a Cristo, Deus teve misericórdia dele e fez questão de lhe alcançar. Em Atos 9 lemos a história da conversão de Paulo, é um texto realmente impactante, diante da presença de Jesus, ele não teve como recusar ao Seu amor, negar Sua existência e se arrepender de tudo o que já havia cometido. Ainda nesse capítulo podemos perceber que muitos questionavam a sua mudança de vida, ainda tinham medo dele e não acreditavam que ele também era seguidor de Jesus. Contudo, ao longo do tempo Paulo pode cada vez mais dar frutos que mostraram seu arrependimento, sua nova vida e não havia mais como negar sua transformação através do encontro com Jesus Cristo.

Resolvi contar a história de Paulo, que está registrada na bíblia, para lembrar a todos que há muitos Paulos entre nós, são pessoas comuns que conhecemos do trabalho, faculdade, academia, vizinhos, familiares. Pessoas que podem sim ter um encontro único e precioso com o Mestre e a partir disso passarem por uma transformação de vida. Então não fique buscando pessoas que lhe façam desacreditar da nova vida, pelo contrário procure pessoas, exemplos que lhe façam crer que é possível mudar e vivenciar o perdão de Deus.

Finalizo esse texto deixando palavras escritas pelo próprio Paulo em uma de suas cartas.“Agradeço a Cristo Jesus, o nosso Senhor, que me tem dado forças para cumprir a minha missão. Eu lhe agradeço porque Ele achou que eu era merecedor e porque me escolheu para servi-lo. Ele fez isso apesar de eu ter dito blasfêmias contra Ele no passado e de O ter perseguido e insultado. Mas Deus teve misericórdia de mim, pois eu não tinha fé e por isso não sabia o que estava fazendo. E o nosso Senhor derramou a sua imensa graça sobre mime me deu a fé e o amor que temos por estarmos unidos com Cristo Jesus. O ensinamento verdadeiro e que deve ser crido e aceito de todo o coração é este: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o pior. Mas foi por esse mesmo motivo que Deus teve misericórdia de mim, para que Cristo Jesus pudesse mostrar toda a Sua paciência comigo. E isso ficará como exemplo para todos os que, no futuro, vão crer nele e receber a vida eterna.” (1 Timóteo 1:12-16)

 Poderia escrever mais e tentar explicar palavra a palavra esse trecho acima, contudo, deixarei que você mesmo, meu amigo leitor, reflita nessas palavras e tire a suas próprias conclusões. Mais uma coisa, seja curioso, consulte por você mesmo as escrituras, confira as referências que citei! Que a palavra de Deus lhe alcance e frutifique em seu coração.

É possível ser perdoado e mudar!

#aesperançanasce

Leia mais sobre: