SERENIDADE QUE ENCONTRAMOS ATRAVÉS DOS PASSOS 1, 2 e 3

Enquanto lutamos com nossos vícios, traumas e maus hábitos, estamos prisioneiros do ciclo da insanidade – fazer sempre a mesma coisa, esperando resultados diferentes. A frustração é constante, pois apesar de nosso esforço para fazer tudo o que podemos e achamos que é certo, não obtemos resultados.

“A Palavra de Deus se refere a nós como ‘crentes’, assim a nossa função é crer. Porém, devíamos ser chamados como ‘realizadores’, já que geralmente achamos que deveríamos estar sempre realizando alguma coisa.”

Realmente, somos responsáveis por fazer coisas, mas a maioria de nós vai muito além da nossa responsabilidade que nos foi dada por Deus, e tentamos fazer coisas que só Deus pode fazer. O Passo 1 nos mostra isso.

O que precisa ser realizado em nossa vida não vai acontecer na nossa própria força, mas na força do nosso Poder Superior Jesus Cristo, quando colocarmos nossa confiança nEle – Passos 2 e 3.

“… Não será por meio de um poderoso exército nem pela sua própria força que você fará o que tem de fazer, mas pelo poder do meu Espírito. Sou eu, o Senhor Todo-Poderoso, quem está falando.” Zac 4:6

“Deus nos capacita a fazer o que precisamos fazer, e Ele faz o que não podemos fazer. Somos parceiros de Deus, e Ele tem uma responsabilidade e nós temos outra. A nossa é confiar em Deus e fazer o que Ele nos conduza a fazer e a dEle é efetuar o que precisa ser feito em nossas vidas e trabalhar a nosso favor. Deus não fará a nossa parte e nós não podemos fazer parte dEle.”

“Porque Deus está operando em vocês, ajudando-os a desejar obedecer-lhe, e depois ajudando-os a fazer aquilo que Ele quer.” Filipenses 2:13

Quando nos frustramos, é quase certo que tentemos fazer as coisas acontecerem através dos nossos próprios esforços e paramos de confiar totalmente em Deus. Quando voltamos a colocar nossa confiança em Deus, temos a nossa sanidade restaurada.

Adaptação texto Pelo Seu Espírito, Bíblia de Estudo Joyce Meyer, pag.1052 

 

Esta entrada foi publicada em Artigos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *